segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Telecomando!


Eu- Isabelinha, conta-me como foi o dia com a Yasmin!
Ela - Foi muito giro, brincamos imenso e depois fartei-me de comer ao jantar
Eu - Ai sim? E o que foi o jantar?
Ela - Arroz, feijão e carne!
Eu - Hummm que bom, e foi o pai que cozinhou?
Ela - Não, ele telecomandou!

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

E vai começar...



Nesta fase do ano anda tudo doido! É o regresso às aulas!
Eu, ainda só tenho uma filha que está a "estudar", tem 7 anos e vai agora para o terceiro ano (quando chegar a vez dos rapazes, tudo a dobrar, vai ser bonito, mas adiante).
Talvez por morar noutro país, as coisas aqui são bem mais simples, é claro que há que comprar os livros, os cadernos, mas, basicamente é isso, não comprei mochila nova, nem estojos... Nem a minha filha me pediu. A mochila do ano passado está óptima, assim como o estojo e o saquinho da higiene..
É óbvio que se gasta mais dinheiro que o normal, mas não é preciso chegarmos a extremos e comprarmos tudo de novo ainda que as coisas do ano anterior estejam em ótimo estado.
Acho que se dá demasiado valor a coisas que não o têm e não se foca no que é importante. 
Parece-me que devemos criar condições para os nossos filhos terem o melhor, sem ser preciso terem também, o desnecessário.
E com esta me despeço, até porque amanhã é o primeiro dia de aulas e ainda tenho uns livros para encadernar...

Sabes que estás a ficar senil....

... quando depois do banho, pões creme no corpo, lavas os dentes, pões o sérum, o contorno de olhos e o creme no rosto, pegas no óleo de pontas para o cabelo, esfregas nas mãos e pões... no rosto!!

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Querem truquezinhos?? #13

Não sei se já tinha dito aqui (mil vezes)  que adoro maquiagem! É quase uma obsessão, não é que ande todos os dias, com contornos, iluminadores, bronzeadores, e mil coisas... No dia-a-dia a maquiagem é bastante simples, base, lápis preto na linha de água (que há quem diga que já não se usa, mas eu adoro e não dispenso), eyeliner, máscara, blush e um baton, mais ou menos dramático dependendo do estado de espirito! Bem simples como se quer!
Mas depois há os outros dias, aqueles em que simplesmente não uso nada (aos domingos, até porque vou sempre para praia) e os outros, em que me apetece usar tudo e mais alguma coisa. Tenho montes de  algumas paletas de sombras que adoro (as naked... ai as naked) mas ando com uma relação muito séria de paixão com as sombras em lápis Bobbi Brown.
Duram o dia inteiro, são facílimas de aplicar e as cores são de morrer. Depois não digam que eu não sou amiguinha!


segunda-feira, 12 de setembro de 2016

O champô seco!!



Ando há já uns dias a pensar que há coisas que eu não compreendo a utilidade. Não me interpretem mal, EU não compreendo a utilidade porque se calhar nem estou a usar da maneira correcta, ou as minhas rotinas não sentem falta de mais nada!
Uma dessas coisas é o champô seco... Champô seco? WTF?
Eu lavo o cabelo todos os dias! Sim, eu sei que não devia, mas não sei o que me parece tomar o duche da manhã e não lavar o cabelo, não acordo, não me sinto fresca, então aqui com este clima era impensável. Já ouço falar em champôs secos há alguma tempo, nunca fiquei entusiasmada, mas um dia, num passeio num supermercado aqui em Luanda, eis que vejo uma mega prateleira cheia deles, e de uma marca bem conhecida que, na Europa, só se vende em cabeleireiros, vai daí pensei "Vai ser agora, vou comprar e vou experimentar, porque há sempre o domingo ao fim da tarde, que chego da praia e tomo banho, lavo o cabelo e na segunda de manha volto a lavar... Era da maneira que ficava resolvido" - Pensei eu de mim para comigo! E pronto, trouxe o dito para casa.
Arranjei-lhe um sítio e no domingo seguinte, cheguei da praia, tomei um duche e não lavei o cabelo, segui à risca o que dizia na embalagem e fiquei assim como que.. um postiço de desperdício!!! Lembram-se do desperdício?? Uma amálgama de fios e panos que os mecânicos usam para limpar as mas?? Pronto! Era isso, indomável, áspero... Muito mau!
Pensei que devia ter feito alguma coisa mal, e ontem, cheguei da praia, mas como o tempo nos pregou uma partida e choveu como se o mundo estivesse à beira do fim, não tinha salitre no cabelo, era a altura ideal para experimentar (outra vez), voltei a ler as instruções na embalagem e... voilá! Desperdício no seu melhor!
Não entendia para que servia e agora já sei,  para mim, não serve para nada!!