sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

2012!! See u!



Não sei porque gosto muito dos primeiros dias do ano. Acho sempre que vai ser diferente, que vai ser melhor, que vai ser desta que vou conseguir realizar este ou aquele desejo que me perseguem há anos. E gosto que assim seja. Gosto porque apesar dos pesares, ando sempre mais bem disposta, e mais esperançada e com mais vontade de querer ser diferente, para melhor, sempre para melhor. O ano de 2012 foi um ano… como dizer, foi assim assim. Comecei o ano no Lobito bem bronzeada, mudei de casa, de uma que eu gostava para outra que pensava que não ia gostar e afinal adoro, fui a Malange, a Gabela, a Wako Kungo ver os hipopótamos, fui ao Algarve, passei dias inteiros nas praias de Cabo Ledo e do Mussulo, comi quilos de lagosta e de ginguba, fiquei “presa” em Portugal por mais de 2 meses, apanhei sustos com doenças, apanhei outros sustos, bebi champanhe, conheci muitas pessoas, de umas gostei de outras nem por isso, dei por mim a odiar quem trata mal a minha família, e a ser menos tolerante, mais ansiosa, mais irritada, fiquei com tensão alta, pintei as unhas de variadíssimas cores diferentes, semeei manjericão, salsa, coentros, alface e repolho, e reguei o jardim, bebi imensas Cucas e vi filmes, não li quase nada que o tempo não estica, dei milhões de beijos a minha filha e muitos abraços ao meu marido, odiei visceralmente pessoas e amei profundamente outras. Comi chocolate, dei mergulhos e trabalhei muito. Aturei doidos varridos e quase desisti, acenaram-me com uma promessa que eu achei que se ia realizar e nunca aconteceu… Perdi pessoas de quem gostava muito, ri e chorei…Senti saudades, senti raiva, senti odio, senti medo e senti paixao… Assim vistas as coisas, nem foi muito mau.. Que venha 2013 e que seja um bocadinho melhor!!

Sem comentários:

Enviar um comentário