sábado, 19 de janeiro de 2013

Truz Truz!!



Tenho andado caladita, que tenho, mas há alturas que não tenho grande coisa para dizer, ou o que tenho para dizer já não e novidade, portanto vão passando os dias e eu sem ca vir. (sim, acentos, nem vê-los… diz que tem vírus e que e provável que faleça este computador aqui do trabalho!). Estamos todos bem, felizmente, mais ou menos cansados, mais ou menos pacientes, mas bem, e SEMPRE a aproveitar toda e qualquer hora de folga (domingo) para ir a correr para a praia, alias, o domingo passado quisemos aproveitar tanto que ao apanharmos o candongueiro (táxi, mas em forma de barco) para terra apanhamos tanta chuva, tanta chuva que nem queríamos acreditar, ate nos deu ataques e riso… Man,.. era vir embora 10 minutos antes e a tínhamo-nos safo, mas pronto. Ate acabou por ser giro. E pronto… eu venho… venho sempre, com mais ou menos frequência, mas venho!

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

2012!! See u!



Não sei porque gosto muito dos primeiros dias do ano. Acho sempre que vai ser diferente, que vai ser melhor, que vai ser desta que vou conseguir realizar este ou aquele desejo que me perseguem há anos. E gosto que assim seja. Gosto porque apesar dos pesares, ando sempre mais bem disposta, e mais esperançada e com mais vontade de querer ser diferente, para melhor, sempre para melhor. O ano de 2012 foi um ano… como dizer, foi assim assim. Comecei o ano no Lobito bem bronzeada, mudei de casa, de uma que eu gostava para outra que pensava que não ia gostar e afinal adoro, fui a Malange, a Gabela, a Wako Kungo ver os hipopótamos, fui ao Algarve, passei dias inteiros nas praias de Cabo Ledo e do Mussulo, comi quilos de lagosta e de ginguba, fiquei “presa” em Portugal por mais de 2 meses, apanhei sustos com doenças, apanhei outros sustos, bebi champanhe, conheci muitas pessoas, de umas gostei de outras nem por isso, dei por mim a odiar quem trata mal a minha família, e a ser menos tolerante, mais ansiosa, mais irritada, fiquei com tensão alta, pintei as unhas de variadíssimas cores diferentes, semeei manjericão, salsa, coentros, alface e repolho, e reguei o jardim, bebi imensas Cucas e vi filmes, não li quase nada que o tempo não estica, dei milhões de beijos a minha filha e muitos abraços ao meu marido, odiei visceralmente pessoas e amei profundamente outras. Comi chocolate, dei mergulhos e trabalhei muito. Aturei doidos varridos e quase desisti, acenaram-me com uma promessa que eu achei que se ia realizar e nunca aconteceu… Perdi pessoas de quem gostava muito, ri e chorei…Senti saudades, senti raiva, senti odio, senti medo e senti paixao… Assim vistas as coisas, nem foi muito mau.. Que venha 2013 e que seja um bocadinho melhor!!

Happy new year

Que dificuldade!!!




Hoje dormi mal. Pesadelos, falta de sono, agora estou aqui qual zombie e sem vontade nenhuma de fazer o que quer que seja. Só a ideia de ter que fazer isto e aquilo e aqueloutro já me deixa cansada! Não está nada fácil. Anima-me a ideia de que amanha de tarde poderei descansar e no domingo também, mas na praia, evidentemente, que isto a pessoa já esta a ficar com cor de lula e nos não queremos isso.

Depois também acho que o meu coração anda doido! Logo pela manha vai de bater bater bater tao forte que eu ate fico cansada, a pessoa quer relaxar e não consegue que o malvado não deixa… Aiaiaiai, parece que vou ter que me incomodar.

Enfim!! Cenas de depois de ferias!

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Certo?

De volta!


Pronto! Ca estou de novo, ainda sem acentos, mas com bastante mais energia. As ultimas semanas do ano foram de bradar aos céus em todo e qualquer plano da minha vida, mas parece que agora a coisa vai.. se não for dá-se um jeitinho.


Já fui `a Tuga e já voltei, já matei de beijos os maus pais, irmãos, sobrinhos, cunhadas, cunhados, sogros, amigos (não todos, mas…)

Agora estou pronta para mais um esticão por estas bandas.

Feliz Ano Novo!!!