quarta-feira, 2 de maio de 2012

Sem novidades!


A saga continua! Cá estou na Tuga, a gramar o frio, a chuva e o vento, sem ainda uma data, ainda que fictícia para voltar. Mas a mim apetece-me uma data, apetece-me dizer que me vou embora no dia... 12 de Maio. Pronto. Mas é mentira. Mas também pode ser verdade. Mas não sei, não se sabe.
Entretanto lá vou eu comprar o mínimo indispensável para ter em casa, sempre, porque nunca sei quando terei de fazer as malas. 2 meses. 2 meses inteiros se passaram comigo aqui sempre na incerteza, sempre na angústia. Nem sei se estou farta ou se já me habituei. Nem sei. Sei que tenho saudades dele, muitas, do meu trabalho lá, dos meus colegas, do nosso dia-a-dia juntos, das nossas rotinas. Das brincadeiras dele com ela. E das camas com mosquiteiros. E de acordar com sol, muito sol todos os dias.
Pronto. Aqui fica, registado, mais um desabafo de quem achava que nunca iria gostar de uma terra que agora ama.

1 comentário:

  1. Olá, amiga Ana,
    já não vinha cá há bastante tempo.
    A minha mãezinha faleceu no dia 21 de Fevereiro. Desde esse dia perdi, um pouquinho, a vontade de visitar os amigos que estão "longe da vista" ou "fora da vista". Talvez seja mais correto. Afinal não nos conhecemos. Contudo, gosto bastante de ler as tuas crónicas. Escreves muito bem e fazes sempre uns belos textos. Por vezes é triste o que escreves. Porém, ditas para fora os teus pensamentos e isso é muito bom. Sinto que nos conhecemos desde sempre. Sinto um carinho especialíssimo pela Isabelinha.
    Amiga, Ana, também eu comecei a escrevinhar, para me sentir um pouco melhor. Escrevo para mim e para a minha mãe. Um blogue sobre os meus pensamentos. Nada comparável a este magnífico blogue que adoro ler. Tudo de bom para ti e tua família. Um bom regresso a Angola. Lembra-te, amiga, importante, mesmo, é que o teu coração esteja sempre quentinho.
    Pode estar um grande temporal e um frio de "rachar", todavia, se o teu coração estiver quentinho tudo está bem.
    Portanto, regressa para o local que mais te aqueça o coração.

    ResponderEliminar