quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

...

Estou por aqui..


Tenho descurado o meu cantinho, que tenho, mas nao e por mal (nao tenho assentos no meu pc.. passou-se!) tudo se deve a demasiado tempo ocupado com demasiadas coisas. A pessoa nem consegue vir aqui dar um allo as tropas, mas enfim.
Por aqui... por mais 2 semanas, depois Tuga connosco por 10 dias inteirinhos para mimar a familia, matar saudades dos amigos e da nossa casinha... tao linda!! Acho que a ansiedade ja esta a dar cabo de mim.
Este ano o verao esta bem chuvoso ao contrario do ano passado que nao me lembro de ver chover, mas e com cada tromba de agua.. meus amigos, parece que o mundo esta a beira do fim. Ah!! Por falar nisso, o munso, que era para acabar em Outubro nao acabou, agora parece que ia acabar a 12 de Dezembro, mas ja vieram desmentir para os jornais. Eu, para mim, preferia que nao acabasse, ainda tenho imensas coisas para fazer que preciso de fazer, e a minha filha pequena, enfim, nao me dava jeito nenhum... Mas se tiver que ser... que seja quando estivermos a dormir para nao darmos conta de nada...

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Ainda para ti!

Copos!

Ontem brincávamos as duas em cima da cama... Ora dá cá beijo, ora agora foge que eu vou-te apanhar, rimos, rimos muito, de repente ela pára e diz:

-Ai Mãe estamos com os copos!!

4 anos!


Chovia torrencialmente, um dia bem cinzento com muito vento. O que parecia que fosse ser um dia normal depressa acabou por ser o dia mais especial de toda a minha vida. Saí para a consulta de rotina, com um barrigão gigante e a andar igualzinho a um pinguim...  e então parece que tinha de ser naquele dia, embora ainda faltasse uma semana e pouco. Fiquei ansiosa, quase que paniquei, fui a casa tomar banho, tentar relaxar, pegar na mala minha e na dela e aí fomos nós para o hospital, onde já nos esperavam a anestesista, a enfermeira parteira e mais um batalhão de gente. Cintas, monitores, barulhinhos de coração a bater e vários procedimentos, epidural e.... lá fui eu para a sala de partos.Não me lembro bem se foi muito ou pouco tempo, acho que a epidural e a morfina, deram-me um bocadinho cabo da destreza mental, mas depressa a vi, ainda com o cordão umbilical e a soltar um choro bem lá do fundo!
Hoje, 4 anos depois, cá está ela, desembaraçada, cheia de personalidade, linda de morrer e meiga... muito meiga.
Parabéns querida filha!! Que a tua vida seja repleta de coisas boas e docinhas e sempre cheia de saúde!

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Canseira!!


Estou a precisar de levar uns estalos. A sério! Não sei o que se passa comigo, se pudesse dormia 16 horas seguidas sem dar cavaco a ninguém. A minha filha tem acordado, com um relógio às 05.30h da manhã... pegar nela, descer as escadas, fazer o leite, voltar para cima... ela volta a dormir e eu... eu não! Ontem estava a jantar e já só me apetecia dormir, já nem queria saber de comer, queria mesmo dormir. Fui adormecer a Isabelinha e claro está dormeci na cama dela, depois, a muito custo levantei-me e vim para o pé do marido, para não parecer mal. Acho que voltei a adormecer... (não acho, tenho a certeza), nem conversei com ele. Batam-me depressa a ver se isto passa!..

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

A luta continua!!

:)


Durante o jantar enquanto se servia o dito:

Ela - Pai eu quero ser a primeira
Ora o Pai, atento a outras vidas, não ouviu e serviu-se primeiro, então:
Ela - Oh pai!!! Tu seste o primeiro e eu si a segunda!

Fé!

Olá!


Não tenho tido como. Não tenho mesmo. Ora é um doente,depois é outro, depois sou eu. Ora é no campo de concentração trabalho que quase que preciso de trazer uma garrafinha de soro para me ir alimentando que é para ver se não me levanto tantas vezes, 3 carregadores de telemóvel, extra saldo para não falhar nadinha. Chegar a horas independentemente de ter havido chuvas torrenciais e não se passar em lado nenhum, a pesoa precisa de adivinhar prever o que se passa na cidade.
Por estas e por outras nem por cá tenho passado para dizer um olá às gentes do mundo! Olá gente do mundo!! Preciso de sair... mas venho já! Promise!

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Não farás planos!


Dizia eu que queria um fim-de-semana com praia, não era? Já devia saber que planos não se fazem... Não fomos nem um único dia à praia, em vez disso uma visita à clinica com a Isabelinha doente logo no sábado de manhã e sem possibilidades de ir à praia nos restantes dias. Estamos por casa desde então a entreter-nos da melhor maneira que podemos. A Isabelinha já está um bocadinho melhor, o que são boas notícias, mas ainda assim, como hoje é feriado, vamos continuar por aqui.. O que, na verdade, também não sabe mal... Mas era a praia, senhores, era a praia... E a minha filha boa, claro!!!,!

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Weekend!...


Cá estamos na sexta feira! Embora trabalhe amanhã sempre é feriado na segunda feira, o que faz com que, finalmente, tenha um fim-de-semana com 2 dias. Yeahhh. Estou a precisar de praia para dar mais uma demão na minha cor, que embora esteja afinadinha, não lhe faz nada mal levar com mais um bocadinho. Dá um ar de saúde, que é uma coisa que a pessoa precisa, para além de não gastar muita maquiagem, não uso base nem blush, só mesmo o risco no olho e o rímel.  Só vantagens, portanto.
Acho que estou verdadeiramente ansiosa por este fim-de-semana. Ai estou estou.

Olha que nem mais nem ontem!

l

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Iogurte.



Ao pequeno almoço perguntei-lhe:

Esta - Queres um iogurte?
Isabelinha - Sim, de banana!
Esta - Cá está

À medida que ia comendo o iogurte ia virando o copinho que tinha desenhada uma vaca, dizendo que era de leite de vaca genuíno, quando a vê diz-me:

"Oh Mãe, tu mentiste, este iogurte não é de banana, é de vaca!"

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

love..

Sem tempo!


Não tinho vindo cá muito. Não tenho como. O tempo não estica e também não tenho grandes novidades. Tudo na mesma como a lesma, mas em modo frenético. A pensar e a repensar algumas (grandes) alterações na minha vida, mas ainda sem nada definido, pesar os prós e os contras e... é nesse estagio que estamos no momento em questão, agora, portanto.
E posto isto, me vou, vim só para dizer que ainda vivo, respiro e me vou arrastanto (que é mais a correr, mas enfim), pelas ruas desta Luanda quente e empoeirada.

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Outono



É certo que não gosto de frio! Já me desabituei, pronto! Detesto chuva e o desconforto de andar cheia de roupa, camisolas, casacos, cachecóis, gorross, chapéus toda a essa parafernália... Mas as cores do Outono, a minha Leça, onde o mundo começa, em tons quentes é tãããããão linda...
Há dias mandaram-me uma imagem de uma paisagem de Outono. Tive saudades.

O Poder da Música!#31



Amo!

Juro que ouvi isto!#20

" A Natureza é espetacular milimétricamente, porque há uma força superioríssima!"

sábado, 27 de outubro de 2012

:)

Acordou!


Há uns dias estava a ver notícias na RTP Internacional e sabem quem eu vi?? O Presidente da República himself. Juro! MAS QUEM É QUE ACORDOU O SENHOR?  Que estava a dormir sossegadinho? Não se faz, pá!!

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Love!

Ponto da situação!


Por cá o tempo aquece. São tomadas decisões para a vida que se podem ou não concretizar, mas veremos. A seu tempo direi. No trabalho... same old same old. A cria já está quase bem, já sem febre, só com tosse e nariz entupido.. menos mal.
De resto pedi uma semana de férias para Novembro para fazermos um passeio à maneira por terras Africanas, mas de 2 mails que enviei exactamente iguais obtive zero respostas, o que me parece bem, afinal, eu ainda tenho não-sei-quantos dias de férias para gozar e não me deixam, não faz mal, para o ano, tenho os que ganho direito, mais estes e se calhar ainda se arranjam mais um ou dois dias e eu trabalho uns 5 meses e meio.... ou assim!.. Sacanas, pá!.. Se sou eu a não responder.. Ah e tal  porque os mails são para se responder... É .. Vão-se encher de moscas mas é!

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

hard!

Porquê?

Estava a descer as escadas e ouço-a muito zangada:

-"Oh Mãe.... porque é que desapagaste a luz?"

Back!



Não. Não fugi. Ainda cá canto. Tive um fim de semana de praia (aliás, domingo) delicioso, depois na segunda-feira, a cria ficou doente, febre, tosse, ... Gripe, portanto.
No trabalho nem tenho tido tempo para respirar, quer dizer, para respirar ainda vou tendo, senão falecia, mas respirar fundo, garanto que não tenho. A coisa está a apertar, e eu, ou hei-de fazer a minha obrigação ou então estava bem tramada!
Vou vindo, sempre que possa, porque gosto deste canto, porque é meu, porque tem pedaços de mim..

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Certo?



Agora dei comigo a pensar que realmente o melhor mesmo é ver o lado positivo de tudo, até porque tenho um colega novo, que no meio de stress e quase cenas de pugilato (ok, ok, estou a exagerar um bocadinho assim...), está calmo, com um sorriso nos lábios e diz-nos sempre, "tenham calma, não adianta nada estarem assim e nem resolve... calma", e na verdade, é ver-nos às cabeçadas, a bufar, e o rapaz ali, na dele, sossegadinho, a trabalhar como um mouro mas contente.. Opá, realmente, de que me queixo eu? Do stress da patronagem? Sim, na verdade queixo, mas... eles é que estão stressados, que a empresa é deles, não é minha... Queixo-me de não ter tempo para estar com a minha filha? Sim, queixo, mas tenho um emprego e ajuda-me a aforrar para ela ter um futuro melhor, coisa que não acontecia quando estava em Portugal... Queixo-me que acordo muito cedo? Pois queixo, mas aqui o dia começa bem cedo e se querermos resolver problemas é de manhã, porque de tarde... não nos doa a barriga.. Queixo-me que tenho saudades? Pois queixo, mas sei que quando chegar a casa vou "morrer de beijos" (como dz a Isabelinha) todos e esmagar com abraços e todo o tempo que passar com familia e amigos vai ser com qualidade... Afinal de que me posso queixar? Estou com a minha familia, tenho emprego, e felizmente não nos vai faltando nada.

Despedido!

Um dia destes, a Isabelinha entra no nosso quarto de manhã e vê o pai a vestir-se, só ainda tinha vestido os boxers, e diz assim

"Ei Pai, estás despedido só de cuecas!"

Pensar positivo!

Estou por cá!



E há já uns dias que não passava por cá! Tenho tido uns dias recheados de pequenas e grandes surpresas, a maior parte delas envenenadas, mas na verdade não é nada de novo. De resto por cá se vai andando, sem coragem para ouvir as noticias que chegam da nossa terra, que está de bradar aos céus e por este andar não sei onde vai parar... Enfim! Mas no entanto, anda, ao que parece, Portugal inteiro, com o nariz colado à televisão a ver uma outra edição da casa dos segredos, o que, a bem dizer, nem acho mal, miséria por miséria... Mas isto sou eu a dizer, porque embora se consiga ver cá, nunca vi nem por 1 segundo...
O tempo aqui está a começar a aquecer que é coisa muto boa para quem gosta de praia e mar e bronze, que até é o caso de todos lá em casa.
De resto ando a ressacar música, quero música nova, música boa, livros, muitos livros, embora não tenha tempo nenhum para ler, mas isso agora, não interessa nada (onde é que eu já ouv isto?).
E pronto, por hoje, senhores ouvintes, vou ficando por aqui, e vou trabalhar, que supostamente, é para isso que me pagam.

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Era um copito!..


Ai a sério, hoje os telefones andam doidos. Não se consegue ligar para ninguém, ninguém nos consegue ligar, a coisa está fraca! Quer dizer, para mim está-se muito agradável, porque também ninguém me incomoda, mas havia uns dois ou três telefonemas que eu precisava de fazer e parece que não consigo. Parece que ninguém consegue. Portanto, estou aqui, bem sossegadinha a tratar de despachar trabalho mega hiper atrasado.
Hoje passei um dia (dentro da anormalidade) bem mais calmo, à custa destas cenas dos telefones, estou mais relaxada, mais bem disposta e a apetecer-me beber um copito de vinho ao jantar, assim para o relax total. Não sei se enho companhia para tal coisa, que o meu homem também tem andado com os nervos à flor da pele e é menino para não querer nada com vinho, era só para entorpecer e relaxar um bocadinho.. Acho que se não tiver companhia vou brindar sozinha, primeiro à vida, depois à saúde, depois à familia e aos amigos de lá longe, depois aos de cá (Sim Paulinha, é mesmo para ti este brinde). Porque acho que devemos brindar sempre pelas coisas boas que temos e até porque há quem diga que o mundo acaba amahã, e se for verdade, sempre vou mas descansada lá para o outro lado.

terça-feira, 9 de outubro de 2012

O poder da música!#30



Gosto desta, gosto muito, e há muito tempo. Faz-me relaxar..

Please...

Uffa!


Não sei como classificar os dias que tenho tido. Não consigo. Mas também me custa estar sempre a queixar-me, porque ai Jesus que gritaram, ai Nossa Senhora que as coisas não acontecem, Ai valha-me Deus que houve mais um contratempo. Só que na realidade não há muito mais para além disto. Para além de quase ter tido uma boa noticia e depois ter morrido na praia, a coisa não está, portanto, no seu melhor, mas vai ficar que eu sei. Aliás tenho a certeza e não tarda vão haver notícias boas, e coisas boas, e docinhas e tudo e tudo!!... Ou então não!!

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Monday!

Blarg!

Há coisas que são inexplicáveis. Há pessoas que são execráveis. Não me parece normal, estarmos em pleno século XXI e ainda haver pessoas que são tratadas como escravos.. Não me entra aqui no entendimento.

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Tinhem!

Ontem tivemos uma visita para jantar. Um amigo do Eduardo, que eu tinha visto uma vez na vida e já nem me lembrava bem dele. Óptimo, simpático, boa gente. A conversa durante ojantar foi essencialmente entre os dois, às tantas, a Isabelinha diz alto e bom som:

- Os meninos tinhem pilinha e as meninas tinhem pipi!

terça-feira, 2 de outubro de 2012

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Monday mode!


Dá-me ideia que estou outra vez com as tensões ao rubro. O meu coração está doido e eu pareço uma barata tonta. Corro para o banco. Corro para o escritório. Corro para ir buscar o marido para ir almoçar. Corro para me esconder da minha filha que está doente em casa e se me vê a ir buscar o pai fica a chorar. Corro para engolir a comida. Corro para levar o marido. Corro para fazer um trabalho que está encravado. Corro para fazer face a todos os compromissos que tenho hoje. Corro para imprimir e tirar cópias e a #$#"" da máquina avariou. Corro para ver se alguém me ajuda. Corro para fazer faturas. Corro para pagar ao pessoal a horas. Corro para atender o telefone...Damn!!

Dear F.,

sábado, 29 de setembro de 2012

Magic!

Praia


Parece que é sábado. Esteve sol a semana toda e hoje, o fim de semana brinda-nos com céu cinzento e até alguma chuva. Para já, para mim é-me igual porque estou a trabalhar, mas amanhã gostava que o tempo estivesse bom para poder ir para a praia! A pessoa que até teve uma semana de bradar aos céus, apetecial-lhe mas era esparramar-se ao sol, dar mergulhos, ficar com o corpo coberto de salitre e tostar. Isso é que era! Levar toda a logistica necessária, sandes, água, baldes, pás, protectores solares e chapéus, óculos de sol, toalhas, mochilas.. apetece-me tanto!!

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

:)

Missing..


Hoje estou saudosa. Dos meus pais, dos meus irmãos, dos meus sobrinhos, dos meus cunhados, das minhas cunhadas, dos meus amigos e das minha amigas. Dos meus sogros. Tenho saudades do cheiro da minha casa, do cheiro da minha Leça, das rotinas da Tuga, a que nunca dei importância e agora me doem por saudades. Tenho saudades da casa dos meus pais e da paz que lá se sente, e do meu smart. E de usar roupa de inverno... e botas. Tenho saudades de ter frio (mas só um bocadinho, pronto). Tenho saudades do chocolate Nestlé, do BOS da Fnac, da própria Fnac, tenho saudades de passear no calçadão à beira-mar e de encontrar sempre pessoas conhecidas. Tenho saudades de ter um bebé no colo. Saudade de surpresas boas e de jantares divertidos que duram noite dentro..
Amanhã vai passar que eu sei, mas hoje... hoje dói-me cá dentro!

Acontece!

Jantávamos, todos à mesa, nós os 3 mais uma visita. O Eduardo e a visita falavam alegremente, conversas que os entusiasmavam, a Isabelinha, sedenta de atenção, também falava, às tantas estavam todos a falar aos gritos.. Diz-se então assim:

E- Isabelinha!! Fala baixo, porque é que estás a falar tão alto?
Ela, com um ar arremessado, responde:
I- Olha, porque estão todos a falar e eu também quero falar e ninguém me ouve..
(Silêncio)
Depois continua
I - É asim, acontece!!
(...)

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Não é?

Ora Relax, please!



Pois parece que esta pessoa não é de ferro, e à conta de uns sustos e de uns nervosos, a tensão subiu.. e muito, e tu tive que parar. Parar um bocadinho. Há que ter calma e estupidez natural. Não há nada que pague a nossa saúde, por isso agora, vou, devagarinho, tentar acalmar, e sossegar, certo?
Ora... ahummmmmmm

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Vá de retro!!!

Só mais uma coisinha, a sério...
As bruxas sempre voam em vassouras?...

Note to self..

Vamos lá para mais uma semana!


Já foi então o fim de semana, logo, hoje é segunda feira, aquele dia que eu amo de paixão.
No sábado, amigos em casa, sabe sempre tão bem ter pessoas boas connosco, não é? Que bom! No domingo, tentativa frustrada de ir à praia.. A chuva chegou primeiro que nós, toca de vir de requitó para casa, para mais um domingo de pastanço. Vinha a ansiar dormir um bocadinho, mas a coisa não se deu, só mesmo à noite, mas pouco e mal! Enfim..
Espera-me uma semana (ou duas) de bastante stress e com pessoas menos boas à minha volta. Só espero ter jogo de cintura para tudo correr pelo melhor (possivel). I hope..

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Pronto!

Ronha!


Hoje estou acordada assim ao de leve. Apetece-me voltar para cama e dormir o que me faz falta. Ou então que, de repente, sem qualquer anuncio me passasse esta inércia e ficasse carregada de energia para fazer o que preciso. Tenho o cérebro parado. Mas às vezes parece que está a mil. Mas depois para. Credo. Precisava que alguém me desse dois pares de estalos para a coisa funcionar. Vai passar, eu sei que vai. Agora.. quando?...

terça-feira, 18 de setembro de 2012

É melhor..

Juro que ouvi isto !#19

"... e então, surpresamente, ela acorda sempre à mesma hora, ..."

E foi assim..


E lá fomos até Wako Kungo no fim de semana (sim, sim, sem hífens). Foi lindo! Vimos os tais de hipopótamos a banhar-se, falaram connosco e , surpreendentemente não nos comeram, vimos aldeias por dentro e por fora, falamos com o Soba, almoçamos na Gabela... foi uma alegria. Papámos kilómetros no nosso camião e correu tudo muito bem, felizmente.
De regresso a casa é que percebemos a canseira que tinhamos no corpo, só queriamos duche e ir dormir, básicamente, depois de uma tosta mista foi o que fiz. Só que dormi mal, tive pesadelos, todo e qualquer barulho que houvesse em casa eu dava um salto da cama, e agora, instalou-se-me toda uma dor de cabeça, que não vai embora nem por um decreto.... help! Anyone?...

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Wish..

É Sexta-Feira!... Yeahhh


Hoje é sexta-feira! Amanhã faço folga, logo, é mesmo sexta feira e parece que vem aí um fim de semana (sem hífens) prolongado. O programa é agradável, uma viagem a Uako Kungo para ver uma reserva de hipopótamos entre outras coisas, fazendas de café, o rio Keve, enfim, uma data de coisas que merecem a pena ser vistas e, já que estamos deste lado do mundo, o melhor mesmo é aproveitar para conhecer tudo o que pudermos para termos uma baú gigantesco de memórias (e fotografias) para mostrarmos aos nossos netos. Vai daí, amanhã pela fresquinha, também fresquinhos, rumaremos a sul, esperando conseguir relaxar e ganhar força para a semana e para lidar com todas as adversidades que podem acontecer.

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

É uma inquietação!



Hoje tenho o meu coração pequenino.Sinto-o a bater tão forte tão forte que quase que consigo ver,se olhar para mim, a camisa a saltar. Estou inquieta e assustada, mas não há nada que possa fazer senão tentar acalmar-me e pensar positivo. Há coisas que eu preferia não ter que me habituar, há coisas que eu preferia que não acontecessem, mas no entanto... no entanto... enfim!...