sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

A todos...

Um bom  Nataaaaaaaaaaal a todos um bom Nataaaaaaaaaaaaaaaaaaaaal que seja um bom Nataaal para todos nóóóóóóóóoó´s!!
Um super ano de 2012 para todos nós também!
Gente até daqui a pouco, com os pés em 2012

E é isto!

Então não é que hoje entro de férias? Olha que chatice! Apartir de amanhã e durante uma semana inteirinha, estarei esparramada num praia do Lobito com a familia... coisa mais chata, não é? Eu acho!
"Diz-que" tem o pôr do sol mais bonito da região... a ver vamos

Find me... :)

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Oh pá... É assim!

Ai ai

Isto o que era giro era eu agora ir para casa dormir uma soneca!.. É que era!

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

O Natal e o coiso!

Quem me conhece sabe que eu detesto, aliás, TENHO HORROR a músicas de Natal. Não aguento, pronto. A verdade é que nunca mudam, são sempre as mesmas, portanto, novidades não há e o coiso. Hoje tive que ir ao banco, a um que tem uma dependência dentro do shopping (sim, DO shopping, o único ainda na cidade) e entrei lá dentro e lá estavam elas, as músicas de Natal, ursos polares gigantescos e mães natal de t-shirts de alças. Se já não gosto destas músicas em Portugal, imaginem o que é aqui, com 32 graus lá fora, gente de havaianas (ou de maihavanas como estes olhos já viram..), calções, vestidos frescos... Ainda cai pior, não é?
A verdade é que o espirito de Natal aqui não baixa, pelo menos em mim não baixou.... É triste, mas é verdade.

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Parabéns...


Ao Celso que hoje faz... 24 (cof! cof!). Tchim Tchim

O poder da música! #14



Não consigo parar de ouvir!! Esta é cool.

E eu aqui!..

Pois que o meu telemóvel português tem andado numa alegria só! Ele é mensagens do Continente, da Laranjinha, da Sacoor, da Globe (Meu Deus da GLOBE), da Acessorize, Perfumes & Companhia, da Zilian (não m'acreditooooo) tudo a apregoar promoções fantásticas, de 20% a 50%, ou mega descontos, tipo "não pague nada que a gente dá-lhe"... e eu aqui, onde nem um parzito de sapatos se pode comprar... Isto não é justo!

Sempre.

Mulheres e Homens

Pá, eu a sério! Eu acho que anda qualquer coisa de errada na sociedade, ou no mundo... Quer dizer, os homens, os gajos do sexo forte, é que são fortes (ora cá está uma redundância), sim, porque eles é que carregam com os pesos, eles é que não têm medo de pássaros, eles voam, eles trepam montanhas, eles correm comó caraças (claro, sem mamas e saltos altos até eu corria), e nós é que, coitadinhas somos as fracas. Somos nada, pá!! Nós conseguimos trabalhar cheias de febre, com dores de estômago, com a tripa embrulhada, nós somos multitasking (toda a  gente sabe que os homens só fazem uma coisa de cada vez), nós dormimos menos que eles, nós ficamos gravidas e carregamos numa criança no ventre durante 9 meses, nós parimos, nós, se virmos sangue não desmaiamos nem largamos a correr como se tivessemos a ver o demo. Pá... mas afinal quem é que é forte?? Não me lixem!

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

...

Generation Gap

Lembro-me da nossa diferença de idade quando oiço:

Ele- Sabes o que nos falta na nossa música?
Eu (deitada numa espreguiçadeira debaixo de um guarda-sol de palha na praia)- O quê?
Ele- Elton John
Eu (convencida que era brincadeira) - Pois falta, e Céline Dion também
Ele - Ui! Eu não gosto nada de Céline Dion..
Eu - (...)

sábado, 17 de dezembro de 2011

As voltas da vida!


Hoje de manhazinha no duche pensava nas voltas que deu a minha vida em pouco tempo. Em 2005 andava perdida, sem rumo, pelo Porto com um emprego que não gostava, sem namorado, muitas saídas à noite e muitas horas de conversas com os amigos mais próximos. Férias, concertos, horas seguidas a dançar para a coreografia sair perfeita. Em 2006, até meio do ano começou exactamente da mesma maneira que acabou o ano anterior, férias, horas seguidas a dançar, fins de semana inteiros a dançar, espectáculos, saídas à noite.A meio do ano conheci-o. Menos saídas à noite, férias na mesma, menos concertos, mais estabilidade emocional. Mudei de casa, comecámos a morar juntos. Pela primeira vez, tive uma familia, a minha. Em 2007 casei, fui de lua-de-mel, para África (curioso, não?), férias, mais jantares, mais familia. Em 2008, mesmo quase no fim do ano fui Mãe, de um pequeno ser de 2.750 kgs (pouco mais que 2 pacotes de arroz), completamente dependente de mim, experimentei sentimentos inexplicáveis, animalescos, e ao mesmo tempo maravilhosos. Deixei de dormir como dormia, vi o negro mais negro que as minhas olheiras conseguiram alguma vez ter, mas lentamente chegamos à velocidade de cruzeiro e tudo ficou melhor, mas nunca mais dormi uma noite inteira. Os anos que se seguiram... seguiram-se. Em 2011 moro em Angola, numa casa alugada, a minha filha tem 3 anos e anda numa escola em Luanda. Tenho um trabalho que gosto, que me desgasta, mas não importa, não tenho carro meu, mas também não me faz falta, tenho sol e calor todo ano. E acho que devagarinho, sou capaz de ter um ou outro amigo novo.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Damn!


Só estou a ter hoje o dia mais stressante (ou será emocionante, pela negativa?...) dos últimos meses. Estou cansada, melada, empoeirada, transpirada, com dores de costas da tensão, com números na cabeça e as pontas dos dedos pretos de tanta porcaria me ter que passar pelas mãos, estou cheia de calor. Tenho fome e tinha sede, sim, tinha já bebi quase um litro de água em 15 minutos. Os meus ouvidos já não aguentam o som do telemóvel e cada vez que ouço passos de alguém a chegar ao meu gabinete, ponho-me rija e com ar de má, à espera que em cima daqueles sapatos que fazem estes passos esteja o inimigo. Tá bem. Já percebi. Não me vou queixar mais. Tenho bom corpo. Eu mereço. Venham mais dias destes a ver se me quebram. Nem pensar. Vou continuar aqui, pronta para levar mais no lombo e nem me vou mexer!

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

:(


Os Pais deviam sempre ser capazes de proteger os seus filhos. Sempre. Não devia haver nenhuma altura em que isso não acontecesse. Ontem uma Mãe não conseguiu proteger o seu filho. Ele tinha 2 anos.                   



terça-feira, 13 de dezembro de 2011

O poder da música! #13



Para além de ser maravilhosa a música, esta versão é de chorar por mais... Enjoy!

Juro que ouvi isto! #13

"Eu gostava de morar numa casa independente com jardim, árvores frutíferas.."

Certo?

TPM

Sofro de TPM. Sofro MUITO de TPM. Fico parva, sem paciencia, com cara de seca, faço tudo porque tem que ser, não faço nada satisfeita. Fico vitima. De tudo e de todos. Fico gorda. Fico com fome. Apetece-me chorar por tudo e por nada (isto já é assim normalmente, pronto!). Não acho piada a nada e nem a niguém, e o pior de tudo é que tenho dificuldade de conviver comigo própria nesses dias.
E depois passa. E depois volta. E depois passa....Um destes dias a falar com uma amiga ela diz-me, "se souberes de alguma cura diz-me", porque sofre do mesmo. Eu não sei de nenhuma, mas se alguém souber dão-se alvíssaras.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Para ti!

Os relacionamentos, como todos sabemos não são fáceis, embora quando se gosta, se ama de verdade, tornam-se um bocadinho menos dificeis. Tomemos o meu casamento como exemplo, sem estar a entrar dentro dele, claramente. Casei com 33 anos com o homem da minha vida! Tive a certeza que não haveria mais niguém tão perfeito para mim como o Eduardo. Casei absolutamente paixonada e convicta do meu amor. Senti que com ele se passou o mesmo. Passámos por momentos marvilhosos, por momentos bons, por momentos assim-assim, por momentos maus e por momentos péssimos. Às vezes discutimos, às vezes também somos parvos, às vezes dizemos o que queremos e o que não queremos só porque não estamos nos nossos melhores dias, às vezes estamos sem paciencia, às vezes pensamos o que não devemos, mas SEMPRE (até agora obviamente, que nada é garantido para sempre) conseguimos superar os nossos problemas ou crises ou parvoíces, porque amar é isso mesmo, amar é ter capacidade de conseguir superar os obstáculos que nos vão aparecendo e ultrapassá-los juntos. É perceber que não somos perfeitos de maneira nenhuma, que somos pessoas e como tal erramos, fazemos asneiras, não fazemos o que deviamos fazer, não dizemos o que deviamos dizer, não nos lembramos de merdas óbvias... enfim.. o camandro e um par de jarras, mas sabemos perdoar.
Nestas coisas do coração, SEI que não devemos nunca tomar nada como garantido, há tiros certeiros que nos chegam sem darmos conta que nos desfazem o coração em mil pedaços e vivemos no mundo e o mundo tem pessoas e...you never know.
Por isso, só queria aqui dizer ao meu marido que ele é, sem sombra de dúvida a melhor pessoa que eu já conheci para além de ser o melhor marido do mundo e eu devia, todos os dias da minha vida agradecer por ter o previlégio de ter ao meu lado uma pessoa assim.

:)

Resolução.

Este fim-de-semana resolvi que já que vou morar aqui, tenho que começar a tomar algumas atitudes no meu di-a-dia. Ora pois que desde sábado que lavo os dentes com água da torneira, há que arranjar defesas, portanto aí foi disto. Para já não me sinto nauseada, com cor de cabeça, diarreias, tonta... felizmente e para já ainda (AINDA) me sinto bem. Também já resolvi que se no fim da semana estiver fresca e fofa qual bimbo, a minha filha vai ser a próxima a começar a lavar os dentes com água da torneira. Primeiro devagarinho, na primeira semana só de manhã para ver como é que a coisa corre e depois de manhã e à noite. É que parecemos tolinhos com garrafas de água mineral nas casas de banho e agora o copo e agora cospe e depois lava a escova... não tem jeito nenhum. Bora lá criar defesas, organismo, que isto assim é que tem que ser.

Se eu não cuidar de mim...

Capture Totale Multiperfection Cream - Dior. Um must, não só hidrata como alisa e previne o aparecimento de rugas.  Pode usar-se de dia e de noite. O que lhe falta?? Protecção solar, só temos que usar, durante o dia,  uma base que tenha e já está!! Ready to go. 

sábado, 10 de dezembro de 2011

Porquê?



I- Mãe, a Luisa está doente?
Eu - Está
I- Puquê Mãe?
Eu- Porque tem um bebé na barriga e deve ter comido alguma coisa que o bebé não gostou e agora está doente.
I- Mas foi ao seutôr?
Eu- Não, mas está doente
I- Mitou?
Eu  - Não, filha
I-Puquê Mãe?
Eu- .... Porque... porque não aconteceu
I- Puquê Mãe?
Eu- Oh filha porque não
I- Mas puquê Mãe?
Eu- Isabelinha, come mas é! A Luisa está doente e pronto!
I- Tem doi doi?
Eu- Tem
I- Puquê Mãe?
.....

Isto começou hoje ao pequeno almoço! Chegámos à idade dos porquês....

Juro que ouvi isto!#12

"Eu nesse momento estou com uma avaria financeira."

A primeira vez.

Acordar a meio da noite, em Dezembro, para ligar o ar condicionado, nunca me tinha acontecido antes.

Grrrr

Estou-me a passar com o blogger. Já escrevi dois posts que desaparecem... ai que neeeervos!

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Balanço.

Entã o jantar foi hiper divertido, à beira-mar, num restaurante giríssimo na Ilha de Luanda. Muito calor. Muitas caipirinhas. Algum champanhe. Imeeeennnnsa ressaca! Estou a trabalhar a carvão e não está para melhorar!... Mas valeu a pena! Foi MESMO giro!

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Jantar de Natal!

Estou pronta! São 19.50h na cidade de Luanda. Hoje, tenho o jantar de Natal da empresa. Estão 29 graus lá fora! Algo me soa estranho...

:)

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Eu, confesso, menti!

A minha manhã foi de bradar aos céus, aliás, todo o meu dia, mas a manhã.... God! Estive em 2 bancos, no primeiro, com ar condiconado, sentada numa cadeira confortável, mas sem sistema, esperei uma hora e um quarto sentada na cadeira confortável à espera que me acabassem de tratar o que tinham começado quando ainda havia sistema. Finda esta saga, há que ir a outro banco, com gerador avariado, logo não havia ninguém lá dentro, tive que ir então a outra dependencia desse banco... longe, muito longe, 32 graus, abafado comó caraças lá fui eu. Saí do carro e os meus óculos de sol embaciaram completamente, portanto deixei de ver e tive um ataque de riso antes de entrar no banco. Entrei, milhões de pessoas, ar condicionado avariado, filas e filas e eu dizia de mim para comigo, "tem calma, relaxa, tem que ser, estás em Angola, respira fundo"...  esperei, esperei, de saltos altos, com um calor infernal dentro da dependencia do banco... e eu à espera, de saltos altos, sim é importante referir.. 45 minutos depois continuava no mesmo sítio, a fila não tinha andado nem um centimetro e eu pensei "tás lixada se não pensas em nada rápido", então pensei, pensei e.... fui té ao segurança e disse "Peço desculpa, mas estou há muito tempo à espera, está aqui muito calor e eu estou grávida, estou a começar a sentir-me mal"... O homem olhou para mim de alto a baixo, eu aproveitei e pus a barriga para fora o mais que pude e disse "3 meses". O homem foi embora com a mesma cara, não fez nenhum expressão (não sei, podia sofrer de paralisia facial!) a verdade é que em menos de 15 minutos a coisa estava resolvida e eu já estava outra vez dentro do carro no fresquinho!
Eu sei que o que eu fiz não se faz, mas eu juro, eu juro que já não aguentava mais.... Estou perdoada?

&%$#

Um dia tudo te corre mal! Hoje é o dia!

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Wish

Querido Pai Natal,

Escrevo-te outra vez porque houve uma "ligeira" mudança de planos. Este ano vou passar o Natal no calor, apenas com o "meu homem" e a minha filha. Não vamos estar presentes nas festanças das familias onde os lugares nas mesas são sempre mais de 20. As lareiras estão acesas. Há presépios. O pequeninos fazem teatros ou mostram qualquer habilidade, come-se bacalhau com azeite fervido e bebe-se Murganheira a acompanhar. Há a hora de se abrirem os presentes, cada vez menos e sempre só para a as crianças e finge-se que chegou o Pai Natal ou o Menino Jesus com as prendas. Há luzinhas e velas acesas. Bolo rei. Azevias e bilharacos. Queijo, rabanadas e ovos moles. Este ano, vai continuar a haver isto tudo, só não vamos estar lá nós, fisicamente, porque sei que o nosso pensamento vai voar para as nossas familias a toda a hora. Por isso, e como ainda não decidimos como vão ser estes nossos dias (provavelmete passados na praia), gostava quue mandasses para as nossas familias muita saúde e muita coragem para conseguirem ultrapassar as adversidades, gostava que nós conseguissemos passar uns dias calmos, com muita paz, muito amor, boa disposição e sem surpresas desagradáveis e pronto, se não fosse pedir muito era aquele rolex, por favor!!

Would you?

Estou que não posso..

Não é só por ser segunda-feira, não é só por o trabalho não estar a correr de feição, não é só por estar um calor infernal (sem ponta de sol, hiper encoberto), não é só por ter apanhado chuva na praia ontem (mesmo no fim), não é só por me ter esquecido de pintar a sunhas de uma cor diferente, estão de azul bébé que combinavam com o biquini mas não com o trabalho, não é só por não ter dormido mais de duas horas, não é só por sentir saudades da minha filha, mas a vontade que tenho de ir para casa descalçar-me e agarrar-me à minha filha é tão grande tão grande que quase que estou aqui a rebentar.

sábado, 3 de dezembro de 2011

Juro que ouvi isto! #11

"Eu tenho que compreender, aliás, eu tenho que recompreender..."

O poder da música! #12



Uma música muito fofa para o fim de semana! É tão linda!

Paixão.

Adoro sapatos vermelhos! Mas adoro mesmo. De paixão. Sempre que há nas montras sapatos vermelhos paro.. só para ver melhor. É claro que há uns que nem dados os queria e outros que quase matava por eles, mas efim. Ontem a arrumar o meu armário de sapatos, um bocadinho mais compostinho, sim  porque já chegou o contentor que trazia, para além de outras coisas, sapatos,  e também eu trouxe mais um ou ..cof cof... dois.. (três, vá) pares percebi que tenho 3 pares de sapatos vermelhos, cada um para a sua função, mas são, de longe os meus pares de sapatos favoritos. E que lindos que ficam no armário! E podem usar-se de tantas maneiras... AMO.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Isto só a nós!

Descobri ontem ao fim do dia que a festa de Natal da escola da minha filha é no dia 10 de Dezembro... Até aqui tudo bem, é um sábado, finalmente vou poder participar em alguma coisa naquela escolinha, mas também fiquei a saber que vai haver um teatro... EM QUE OS PAIS TAMBÉM ENTRAM!!! Ora, eu não estava de todo a contar com isto, já nem tenho idade para essas coisas. Não estava na reunião de pais, estava só o meu marido, portanto nem sequer pude escolher a personagem então calhou-me ser a pastora e ao meu marido o camelo (Sim, o camelo!).. Somos, portanto, 2 personagens, que para a história do nascimento de Jesus nada contribuem e muito menos para a peça porque não temos falas.... O que por um lado é bom que não temos nada que ensaiar, por outro lado, ter que subir ao palco vestida sabe-se lá como para ficar lá especada não sei se me agrada... Damn!!

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Porreiro, pá!

Agora era porreiro, pá, era este sono dar de frosques e eu conseguir ter energia para dar cabo de mais uma resma de papelada!...

Apaixonei-me.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Desisto!

Também já deixei de tentar perceber o cabelo do Donald Trump... Não sei, foi uma coisa que me lembrei agora!

...

E a vontade que eu tenho de largar a gritar de tanto trabalho acumulado?

True!

Desabafo!

Vou desabafar, que afinal também é para o que isto serve. Como já disse há uns tempos atrás antes de vir para Angola tinha medo de tudo, de não gostar, de não me dar bem.... contava os dias que faltavam para voltar a Portugal, nem que fosse por dois dias para respirar um bocadinho, mas a verdade é que quando cheguei a Portugal, não nego que a sensação foi boa! Filas de trânsito organizadas, lavar os dentes com água da torneira, pão maravilhoso, a família, oa amigos, tudo bom, mas... mas descobri que tive saudades, descobri que afinal estava aqui bem, descobri que o meu lugar é aqui, ao lado da minha familia e no meu trabalho... obviamente com tudo o que tem de bom e de mau. Por isso falo que quando não estamos bem não adiantam queixas, tristezas, medos se nada fizermos para mudarmos a nossa vida. Se não estamos bem temos que arriscar, por muito que nos custe, por muito que um pedaço de nós fique no outro lado do mundo, por muito que nos apeteça, volta e meia, desistir, por muito que os nossos sentimentos sejam os nossos maiores inimigos. Arriscar é bom, vale a pena e muda-nos para sempre. Eu acho que hoje, sou uma pessoa um bocadinho melhor que era há 6 meses atrás. Já por isso valeu a pena.

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

O poder da música! #11

Ainda para a Isabelinha mas com um agradecimento especial à Ana que deixou mensagens lindas, Suse... bem sei que cá estiveste... e a todos que se lembraram. Curtam, que vale a pena!

3 anos!!

Ao fim de quase 2 meses eis-me de volta! Pela primeira vez estou num calor tórrido no fim de Novembro... estou a gostar!
Mas hoje não quero falar de mai nada senão do que mais importa hoje! A minha filha! Hoje faz 3 anos, está crescida... há 3 anos atrás estava muito frio, muita chuva, um temporal horrivel e eu tinha uma barriga gigantesca..
Valeu tanto a pena. Tenho a filha mais gira e mais querida do mundo.
Isabelinha, sei que ainda não sabes ler (e mesmo que soubesses não ias querer saber do que eu escrevi), mas quero que saibas que o meu maior desejo para ti é que sejas feliz, muito feliz e carregada de saúde. Espero que continues assim, bem disposta e a dar os abracinhos mais maravilhosos do Universo. Parabéns filha, gosto de ti daqui até à lua em saltinhos de pulga perneta!

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

E agora...



Vou embora!!! Vou a casa, vou a Portugal... Mas já venho!

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Era só mais um pequenino esforço.

Queridos senhores da DEFA.
Obrigada pelo meu passaporte, mas... SEM O DA MINHA FILHA NÃO ME ADIANTA!!... amanhã?? Por favor?? Sim?? Que são lindos??

Steve Jobs


Perdeu a luta contra o cancro... :(

Por favor, por favor!

Queridos Senhores do Departamento de Emigração e Fronteiras de Angola,

Não quero estar a pressionar, não. Longe de mim. Eu só gostava que me entregassem o meu passaporte e o da minha filha que ficou a renovar o visto já na segunda-feira passada, lembram-se? Sim, esses mesmo, é que temos viagem para a terra marcada para amanhã e gostavamos mesmo de ir, era mesmo naquela. A verdade é que normalmente demoram no máximo 5 dias úteis, por isso tenho fé e acredito (sim, as duas coisas juntas) que os vou ter na minha mão no decorrer do dia de hoje... Vou não vou?`Cá beijinho.

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Dormir era bom!

Ontem pode dizer-se que foi um dia bom. Imenso trabalho mas correu bem, uma boa noticia, um belo jantar regado com um belo vinho e depois o cansaço... Man... adormeci a adormecer a minha filha (para não variar!), arrastei-me para a minha cama e....NADA, não dormia, virei par um lado, virei para o outro, tirava o lençol pq tinha calor, tapava-me porque arrefecia, levantei-me e fui para a sala ver televisão, pensei "vou só ali ver qualquer coisinha que fico hipnotizada e vai ser um luxo, nem que durma na sala"., pois que vi o Taxi Driver, pois que vi um programa acerca dos orangotangos do Bornéu (não sei se já tinha dito que era uma viagem que adorava fazer), vi o Ellen Show e... desisti, voltei para a cama eram já perto das 4 da manhã, estava eu quase a adormecer e: "MÃÃÃÃÃEEEE, QUERO LEITINHOOOOOOOOOO", sem rabujar levanto-me, preparo o biberon, dou o biberon, volto para a cama...finalmente adormeci e estava a mergulhar no sono profundo e... TTTTRRRRRRIIIIMMMMMMMMM ..
Lá me levanto a custo, tomo banho, arranjo-me e pequeno almoço. Tudo a horas, boa que nem é normal!!! Chegamos à garagem e um furo no carro... humpf!!. Agora estou aqui qual zombie a lutar para manter os olhos abertos e a rever tudo o que faço não vá enganar-me e tenho tanto que fazer... (ainda assim não sei se é bom ser eu a rever.. só porque zzzzzzzzzzzzzzzzzzz)

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Juro que ouvi isto! #10

"Se conduzir assim vai haver lugar a muito passamento físico"

:)

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Afinal vale a pena!


Às vezes dizem-me:
-"Blog?? Que fora de moda"
-"Blog para quê?"
-"Acho isso horrivel!"

E eu respondo, pois que achem, pois que não tenham blogs, pois que não escrevam. Eu tenho porque gosto, porque há uns anos tinha um que me deu muito gozo e através dele e por causa dele conheci pessoas com quem ainda hoje me dou, e tenho porque me apetece, gosto, obviamente que cá venham, adooooro quando deixam comentários, amo saber que as visitas crescem, mas gosto ainda mais quando recebo comentários como o da Ana que deixou ali em baixo no post da "criança que há em nós", que me fazem bem, que me fazem perceber que há algures alguém que, pelo menos por um momento se identificou comigo e com o que escrevi. E que gosta de me ler. E me disse. E eu fiquei contente. Obrigada Ana, venha sempre que as portas estão abertas!..

O poder da música! #10

Para a semana correr bem, e para começarmos com energia positiva e para sermos um bocadinho mais felizes bem dispostos vamos aumentar o volume!! Que esta é boa para animar... ;)

sábado, 1 de outubro de 2011

Juro que ouvi isto! #9

"Ele enriqueceu assim de repentemente"

A criança que há em nós!


Diz-se que todos temos uma criança dentro de nós!! Eu própria já tive duas!! Uma que depois veio cá para fora e outra, esta sim, que continua cá sem ocupar (muito) espaço. Ora bem, eu acho que há pessoas que se têm uma criança dentro delas deve estar escondida, apagada, atafulhada de outras coisas porque jamais esboçam um sorriso, dão uma gargalhada, mudam a postura fria.. duvido até que haja lá alguma criança. Já eu, Ana Maria, tenho uma cá dentro sempre pronta a dar o ar da sua graça. Ontem reparei bem nisso a fazer uma coisa que faço todos os dias. Estava eu a ir lavar os dentes e saí da sala, abri a porta do meu quarto (ia descalça), e como não tenho cama, tenho um colchão no chão, e à medida que me ia aproximando do colchão, acelarei o passo, dei um salto para cima do colchão e depois voltei a saltar para o chão e lá fui à casa de banho lavar os dentes. Só depois de estar a lavar os dentes e a reflectir é que me apercebi que faço isto todos todos os dias e todas as vezes que tenho que ir à casa de banho pelos mais diversos motivos, pois então!! E isto, é só um dos exemplos do que faço quando a criança que há em mim grita mais alto do que eu!!

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Fazer o quê?

Eu- Bom dia!
Pessoa- Bom dia sim!
Eu - O senhor é o último?
Pessoa- Náo, está atrás de mim aquéla móça mais aquéle móço e o outro lá e ná minha frente está mais aquéle móço e mais áquéle dus óculo vérmélho e o outro dá cámisa.,..
Eu - Conclusão, eu sou a última e toda a gente que está neste banco é antes de mim.
Pessoa- Éééé
Eu - (...)

O poder da música! #9



Com esta fui feliz!! Bom fim de semanaaaaaaaaaaaa!...

Juro que ouvi isto! #8

"Estas maçãs são azedosas!"

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Pois!

E então hoje, como sou uma pessoa que sofro do nervoso, comi chocolate até enjoar que é sempre uma coisa muito esperta de se fazer!

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Shhhh

A minha filha está doente, nada de especial, mas tem que estar em casa, só na próxima semana irá para a escola. Ontem, quando cheguei a casa estava cheia de energia, cantava, dançava, dava gargalhadas tão grandes que até chorava.. Quando a fui deitar perguntou-me:

I-Bou pá xcola?
Eu- Não, filha, amanhã ficas em casa outra vez, só daqui a uns dias é que podes ir para a escola, porque estás doente e tens que te curar e..
De repente interrompe-me, e com o dedo em riste diz-me:
I- Mãe, tu falas muito!
E dito isto virou-se para o outro lado e acomodou-se para dormir.

Pronto! Só me apetece dizer: "Desculpa lá se te estava a explicar porque é que não podias ir para a escola!"
Olha que isto!! Já a formiga tem catarro é o que é!!

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Juro que ouvi isto! #7

"...É muito desorganizativo!"

Oh yeahh

Dear Santa


Querido pai Natal, bem sei que ainda é cedo para te escrever, mas queria ser a primeira. Eu sei que este ano não me portei muito bem, fiz uma (ou duas, vá) coisas que não devia ter feito, mas as pessoas humanas não são de ferro. As pessoas humanas às vezes sentem uma necessidade incontrolável de fazer asneiras e a coisa dá-se. Ainda assim acho que fiz muito menos do que muitos que para aí andam, não matei ninguém, não roubei e nem nada e mais, fiz muitos sacrificios, imensos, tive um dóidoi muito grande numa das minhas pernas que demorou muito tempo a passar e nem sequer passou na totalidade, estive quase 2 meses dependente de terceiros à custa disso, mudei-me para Angola, não sendo, obviamente a minha primeira escolha em termos de países para morar (nem a segunda e nem a terceira e ...), trabalho muitas horas, muitos dias, estou longe da familia e dos amigos, não tenho chocolate Nestlé e nem 1/4 de Vigor, estou há 2 meses a morar numa casa que não tem mobília, e isto continuava por aqui fora, mas eu quero poupar-te a desgraças. Como tal, se ainda achares que eu mereço um presentinho deixo-te aqui uma listinha de "algumas coisas" e podes escolher:
  • Quero um Suzuki Jimny, pode ser usado, mas para andar aqui é pequenino e jeitozinho, é claro que se houver espaço para um X5 que venha ele que eu fico toda contente.
  • Quero sapatos, é que isto é horrivel, os sapatos estragam-se mesmo muito, pode ser até um vale ou um cheque prenda daquela sapataria que adoro
  • Quero bombons Godiva, caixas com 32 andares faziam as delicias desta que te escreve
  • Quero livros, muitos livros com histórias lindas, arrebatadoras, emocionantes, daqueles livros que nos deixam saudades quando acabamos
  • Quero aquele amplificador a válvulas com umas belas colunas, para nunca faltar música na minha vida
  • Gostava de ter uma amiga ou um amigo aqui no hemisfério sul, ia saber-me bem, muito bem
  • Queria ter saúde e força para continuar e andar para a frente
  • Quero que a minha filha seja a criança mais feliz do Universo
  • Quero voltar ao meu rumo sem entropias
  • Quero anéis, não precisam de ter diamantes e ser de ouro, de prata ou de lata fazem maravilhas no meu humor
  • Quero pulseiras coloridas para aproveitar que moro num país em que é verão todo o ano.
  • Quero vernizes de muitas cores para fazerem pendant com o biquini.
  • Quero havaianas
  • Quero calças leves e coloridas para ir para a praia e usar no fim de semana
  • Quero conhecer música nova
  • Quero viajar
E pronto, assim numa primeira análise parece que a coisa fica por aqui...
Obrigada Pai Natal, prometo que me vou portar melhor para o ano. Juro!

sábado, 24 de setembro de 2011

Supermercado.

Estou em maratona de trabalho que isto de vir para Angola não se trata de ir para a praia o ano inteiro e fazer fins de semana e mini férias e essas cenas, às vezes consegue-se 2 dias, mas é só às vezes. Aqui trabalha-se, trabalha-se à séria, ah pois!! Adiante. O que eu queria mesmo dizer era que, estava a pensar nas compras, o que preciso de mercearia para casa (exacto a trabalhar imenso!) e depois lembrei-me de uma coisa que me atormenta sempre que vou a supermercados. São os carrinhos, pá!! Exactamente os carrinhos! Quando pegamos num se estiver coxo, trocamos o gajo, mas o pior são aqueles que parecem assim à vista desarmada que estão bem, que a coisa funciona e vai-se a ver e à medida que vão enchendo vão pendendo para um dos lados... E é uma chatice! Andamos nós ali agarradas ao bicho, a fazer figura triste porque às tantas já não temos força para o conduzir, e claro, a coisa piora se estivermos de saltos altos... Parecemos doidas a tentar domar a fera, cheias de compras, a fazer equilibrioe a tentar não nos mandarmos para cima de nenhuma criatura que nos passe à frente!! É ridiculo no mínimo!

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Grrrrr

Estou embirrenta! Acometida de uma pouca paciência incrivel. Estou imbirrenta, pronto. Não gosto do meu cabelo, passo-me com os meus sapatos, detesto a minha roupa, fico cega por só ter uma carteira e coiso. Odeio que façam de mim parva, detesto que o verniz esteja a precisar de manutenção. E resmungo e jesticulo. E faço caras. Cara de zangada, cara de má, cara de parva até quem sabe e tal e assim. Mas também estou no meu direito ou não??? Ah e tal e uma gaja tambem tem que se enervar de vez em quando e chamar nomes às pessoas (quando não estão a ouvir) que isto de insultar na cara tem muito que se lhe diga! Ai pois que tem! De maneiras que não se metam comigo hoje que eu não estou própria para consumo!! Câmbio final e desligo! Pronto!

Não diria melhor!

Só mais um esforço...


Não sei se me apetece contar os meus dias esta semana. Entre batidelas de carro (felizmente só chapa mas com muita chatice à mistura), dores de costas, borbulhas no corpo da Isabelinha que aparecem à noite e desaparecem de manhã (juro!), muito trabalho e pouco descanso a semana passou-se... na verdade foi-se passando.
 Era suposto ir hoje para a Tuga, era suposto ficar por 2 semanas. Mas não vou. Estou aqui e estarei por mais duas semanas inteiras. Depois vou e se tiver sorte por 3 semanas. Eu sei que Portugal está pelas ruas da amargura, eu sei que não há boas noticias nenhumas nos jornais, eu sei que há milhoes de pessoas a quererem sair de lá (assim como eu fiz), eu sei que anda tudo carrancudo e com um ar cinzento... Mas eu tenho saudades, tantas que às vezes sinto um aperto, tantas que dou por mim a fazer mentalmente um roteiro de o que fazer e quando (primeiro esborrachar a familia, repousar, ir às compras, convidar amigos para jantar, ir a jantares, passar uns dias em casa dos meus pais... e...) tantas que sonho acordada com o dia em que chegar... Bolas!! As saudades custam...

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

O poder da música! #8

Hoje o dia não está a correr da melhor maneira. Aqui, longe, as emoções são sentidas com outra intensidade. As boas e as más. Quero ouvir esta, no máximo!

Hoje não está fácil!

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

(...)

- Que barulho foi este?
- Qual barulho? O do jerrican a saltar?
- ...

Querem truquezinhos? #5

Apresento a base mais confortável, mais luminosa, mais maravilhosa! Não há cá pedaços de base seca, não há cá diferenças abismais entre rosto e pescoço, não há cá manchas. Com esta base a pele fica com um tom uniforme e lindo! Nunca tinha eexperimentado nada assim e já experimentei milhares. Desde que que a descobri não quero outra!!!

HD High Definition Foundation, Make Up For Ever

terça-feira, 20 de setembro de 2011

A tentar.

Adenda ao post anterior...

... e depois fui e comprei uns!

Sapatos!

Adoro sapatos! Adoro! Se pudesse todos os dias comprava um par, no mínimo, mas não se pode não é? Para vir, como tinha a limitação do peso e do espaço, trouxe só os essenciais, as sapatilhas para a viagem e para depois servirem para os passeios e 4 pares de sapatos e umas havaianas. Correcto! O que eu não sabia é que os sapatos aqui têm uma vida curta, os buracos, o pó e o calor dão cabo de tudo. Portanto o balanço, neste momento é: Um par de sapatilhas, umas havaianas e 2 pares de sapatos, os outros dois estão no lixo! Ora, para mim que sou pessoa que adoro sapatos a coisa até me dói, mas não posso comprar cá nada, mas em 2 semanas estarei na Tuga e as sapatarias que me aguardem que eu vou-me desforrar!